Brasil: Líder indígena Zezico Guajajara é assassinado em região de conflitos agrários com madeireiros

Autor: Rafaelle Fróes, G1 MA - São Luís (Brazil), Publicado em: 31 March 2020

"Líder indígena Guajajara é encontrado morto no Maranhão. Indígena Zezico Guajajara foi encontrado morto nesta terça-feira (31) em uma estrada da Terra Indígena Arariboia, no município de Arame. Não há informações sobre a motivação do crime", 31 de março de 2020

O líder indígena Zezico Guajajara foi encontrado morto na...terça-feira (31)...no município de Arame, localizado a 476 km de São Luís. De acordo com a Secretaria Estadual de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihopop) ainda não há informações sobre a motivação do crime....Zezico Guajajara havia saído pela manhã...e, por volta do meio-dia, foi encontrado morto por índios com perfurações de bala pelo corpo. Os índigenas alegam que ele vinha recebendo ameaças de morte por conta de conflitos internos na aldeia....[Zezico] chegou a formalizar algumas denúncias sobre 'atos de violência' praticados por outros indígenas dentro da Aldeia Zuituá para a Fundação Nacional do Índio (Funai) e para Polícia Federal (PF)...o indígena trabalhava como diretor do Centro de Educação Escolar Indígena Azuru e era uma grande liderança em defesa dos direitos dos índios e contra crimes ambientais.... A morte de Zezico Guajajara aconteceu na Terra Indígena Araribóia, mesma região onde o líder indígena e 'Guardião da Floresta' Paulo Paulino Guajajara foi assassinado em novembro de 2019. O território é conhecido por registrar inúmeros conflitos de terras entre indígenas e madeireiros. Segundo a Sociedade Maranhense de Direitos Humanos (SMDH) de 2016 até novembro de 2019, 13 indígenas foram mortos em decorrência do conflito com madeireiros no Maranhão. A entidade afirma que a 'estrutura de segurança não está preparada ou não prioriza os casos' relacionados a índios.

Leia a postagem completa aqui